domingo, 10 de abril de 2016

Meditação/Nadia Malta/PRECISAMOS DE MAIS ESPINHOS NA CARNE!

PRECISAMOS DE MAIS ESPINHOS NA CARNE!

 “Para impedir que eu me exaltasse por causa da grandeza dessas revelações, foi-me dado um espinho na carne, um mensageiro de Satanás, para me atormentar. Três vezes roguei ao Senhor que o tirasse de mim. Mas ele me disse: "Minha graça é suficiente para você, pois o meu poder se aperfeiçoa na fraqueza". Portanto, eu me gloriarei ainda mais alegremente em minhas fraquezas, para que o poder de Cristo repouse em mim”. 2 Coríntios 12.7-9.

                                                                                         


O título desta mensagem parece repulsivo em um tempo de ressurgimento do hedonismo, aquela filosofia grega que apregoava nos dias passados o prazer pelo prazer. Contudo, percebemos a necessidade de um freio na inclinação humana não só para o orgulho e vaidade, mas para tudo que tem tentado nublar a glória do Senhor em nossas vidas. Especialmente quanto às revelações que recebemos tão graciosamente do Senhor!

O apóstolo Paulo recebeu da parte do Senhor talvez mais luz sobre os escritos bíblicos do que todos os que o antecederam ou mesmo seus próprios contemporâneos. Paulo tornou-se um instrumento precioso nas hábeis mãos de Deus. O Senhor é aquele que conhece a nossa natureza e sabe quais são aqueles gigantes adormecidos em nosso coração que estão prestes a se levantar para roubar o brilho da glória de Deus: vaidade, mentira, soberba. Desejo de aparecer e buscar o aplauso dos homens. E não há lugar para estrelismos no Reino de Deus. A única Estrela verdadeira é a Brilhante Estrela da Manhã, o Senhor Jesus Cristo.

Para impedir que Paulo se exaltasse o Senhor permitiu que Satanás lhe enviasse um mensageiro que o atormentasse e humilhasse como um espinho na carne, para que aprendesse humildade e dependência de Deus. Não sabemos ao certo que tipo de espinho era aquele, só sabemos que era algo que trazia sofrimento ao apóstolo. Paulo por três vezes pediu ao Senhor que o livrasse de tão grande incômodo, mas a resposta recebida foi sempre a mesma: “Minha graça é suficiente para você, pois o meu poder se aperfeiçoa na fraqueza". Sim! É quando estamos fracos que somos fortalecidos pelo Senhor! Têm muitas coisas incômodas que nos fazem sofrer que não vão ser tiradas de nós por mais que clamemos! Seguiremos apesar delas na dependência do Cristo!

Paulo aprendeu a lição. Tudo que recebera de Deus tinha um propósito era para edificação da igreja e para a glória de Deus não a sua própria. Ele passou a se gloriar não em seus muitos saberes, mas na sua fraqueza e dependência de Deus! Creio que esta é uma lição oportuna para os cristãos contemporâneos! Nadia Malta. http://ocolodopai.blogspot.com.br/

Nenhum comentário:

Você poderá gostar também de...

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...